Início FREGUESIAS Agualva e Mira Sintra Capela da Quinta da Fidalga em Agualva, vai ser recuperada

Capela da Quinta da Fidalga em Agualva, vai ser recuperada

537
Capela da Quinta da Fidalga, em Agualva | Foto: DR CMS

A Capela da Quinta da Fidalga, na União de Freguesias de Agualva e Mira Sintra, vai ser recuperada pela Câmara de Sintra, representando um investimento de cerca de 500 mil euros.

A intervenção contempla os trabalhos de conservação da capela, nomeadamente: reabilitação, restauro e conservação do interior e exterior do edifício; condicionamento acústico; instalação elétrica e de comunicações; e conservação e restauro das pinturas marmoreadas e outras pinturas.

Para Basílio Horta, presidente da autarquia, “Esta intervenção vai permitir a conservação e restauro das pinturas e a reabilitação deste histórico edifício para utilização futura como espaço onde se poderão desenvolver diversas atividades culturais e de fruição para os visitantes”, anunciou Basílio Horta, presidente da Câmara de Sintra, no decorreu da última presidência à aberta à freguesia, na passada semana.

Arquitetura setecentista e barroca

De arquitetura setecentista e barroca, a conclusão da edificação da capela data de 1731, em que recebeu a invocação de Nossa Senhora do Monte do Carmo. Em 1825-1830, a quinta foi adquirida pelo conde de Mesquitela, Bartolomeu Costa Macedo, que casou com Maria do Ó de Figueiredo Osório Cabral, ficando a propriedade conhecida como Quinta da Fidalga.

No terceiro quartel do século XIX inicia-se o processo de desarticulação cadastral, fruto de expropriações necessárias à execução da via férrea. Em 1982 a quinta, onde se integra a capela, foi vendida e aí instalada uma escola de reeducação pedagógica.

Fotografia: DR CMS

Artigo anteriorAcademia Filipa Cavalleri promove “Talks Elas e Eles no Desporto”
Próximo artigoEléctrico de Sintra comemora 120 anos de história